Arquivo da Categoria: Transcrições

Janeiro, a matança do porco

Por Azinhal Abelho «Em Janeiro, um porco ao sol e outro ao fumeiro. Do Natal até aos Reis foi um tempo de arreganhar dentes. E a imolação do porco faz-se nesta festa do casal, com a chaminé fumegando, em ritual … Continuar a ler

Publicado em Transcrições | Etiquetas , , | Publicar um comentário

A Sombra do Vento

– Má, não – objectou Fermín. – Imbecil, o que não é a mesma coisa. O mal pressupõe uma determinação moral, intenção e um certo pensamento. O imbecil ou bruto não pára para pensar nem para raciocinar. Age por instinto, … Continuar a ler

Publicado em Transcrições | Publicar um comentário